Analytics:

domingo, setembro 14, 2008

Querida Ciência

# O Goiânia Noise Festival, que acontece em novembro próximo, confirmou mais quatro nomes para seu line up 2008. A clássica banda do punk paulista Inocentes garante presença, ao lado do surf-rock comediante de Florianópolis d’Os Ambervisions. Quando botei aqui, em primeiríssima mão, algumas semanas atrás, a confirmação da canadense Black Mountain, da finlandesa Flaming Sidebunrs, e do Black Lips e Imbyra (as duas dos EUA), além de Marcelo Camelo com o Hurtmold e da californiana Circle Jerks, avisei que nomes latino-americanos estavam sendo cotados, e que o Fabrício Nobre (Monstro Discos) definiria alguns deles durante a BAFIN (Feira Internacional de Música de Buenos Aires). Eis que, depois da feira, duas das vagas reservadas ao rock latino já estão devidamente preenchidas. The Tormentos será o representante do pop argentino, com sua ambientação praiana e guitarras aceleradas à Dick Dale, ao lado dos chilenos do The Ganjas, que navega uma psicodelia algo retrô, algo espacial. Mias nomes do rock latino podem aparecer ainda.






# Alguém se lembra da banda novaiorquina TV On The Radio, dona de experimentações indie formatadas sob discurso eletrônico? Pois é, depois do burburinho ao redor de Return To Cookie Mountain, seu segundo disco – lançado em 2006, que a garantiu na boca do povo, mundo afora, por alguns meses, o grupo volta à cena com Dear Science, álbum novo que aprofunda sua viagem eletrônica, mas flerta com o improvável, ora desenterrando beats finos, dignos daquele Michael Jackson de um passado glorioso, ora desconstruindo o rock e a eletrônica em partes pouco identificáveis, porém com um vistoso verniz pop, ausente em Return.... Se ficou curioso, baixe o disco aqui, e depois a gente conversa mais sobre.



.
.
.
# O Forgotten Boys lançou seu quarto disco, oficial e virtualmente, há pouco tempo, disponibilizando as doze faixas para download grátis durante algumas horas, em seu próprio site. Louva-a-deus passou a girar no player aqui somente depois que voltei de viagem (ainda que repousasse no meu agá-dê desde alguns dias antes da partida), e se a abertura com Don’t Be Afraid soou promissora já de cara (um quase garage-blues de pegada punk contida e nervosa), Quinta Feira e Era Ela conseguiram nublar a empolgação do começo (até agora o FB não conseguiu soar natural e fluente (!) nas músicas em português). Justice For All retoma aquele charme sujo dos melhores momentos do quarteto, e depois ainda vem Hightest Stakes – com ondulações country e melodia ensolarada, Me Entregar, News From God...


Louva-a-deus ainda roda tranqüilo aqui na vitrola do blog, depois a gente continua esse papo.
.
.
.
.
# O Violins, que “encerrou” suas atividades recentemente, sai da catacumba precoce mais uma vez, mas garante que essa será sua última ressurreição. O grupo resolveu pendurar as chuteiras – ou pelo menos abandonar o nome Violins – há pouco tempo, depois que o baterista Pierre Alcanfor desistiu do banquinho e dos tambores, mas ainda assim cumpriu a agenda confirmada antes do fim: um show no Centro Cultural Goiânia Ouro e outro em Brasília. Depois disso Beto Cupertino e Cia, com um novo baterista, prometiam escolher um outro nome para a banda e um novo direcionamento musical, sem tanta ênfase nas guitarras.
.
.
Porém, um fato novo obrigou o grupo a dar uma pequena pausa no projeto e retomar, ainda que somente por mais um show, a alcunha que o afamou underground brasileiro afora. Atendendo ao convite do festival Canto da Primavera, na cidade turística de Pirenópolis, o Violins ressurge por uma hora inteira no fim da tarde do próximo domingo, com Zé Junqueira na bateria (titular das baquetas na Olhodepeixe), naquele que deve ser o último show da carreira dessa banda, que despertou um discreto, porém fiel, culto ao redor de sua discografia, que conta quatro discos e um EP. Se você nunca viu o quarteto ao vivo, essa é a sua derradeira chance. Eu recomendo!
.
.
.
.
# Só Pra Lembrar - Termina hoje o Jambolada, em Uberlândia – triângulo mineiro, festival que comemora seu quarto aniversário ao lado de notáveis do indie nacional, como Macaco Bong, Mallu Magalhães, Porcas Borboletas, Diego de Moraes e o Sindicato, Galinha Preta, Ratos de Porão, Madame Saatan e Cordel do Jogo Encantado, além de dois discretos heróis da emepebê-que-vale-a-pena, Luiz Melodia e Marku Ribas, entre tantos outros nomes.
.
.
# Já o festival paranaense Demo-Sul confirmou há pouco as presenças de Nação Zumbi e Mudhoney em sua edição 2008. O Mudhoney faz sua primeira apresentação em Londrina no dia 10 de outubro, uma semana antes de desembarcar no velho conhecido palco goiano, onde faz show dentro das comemorações do primeiro decênio da Monstro Discos, que deve pôr no mercado brasileiro, em breve, o disco tributo aos 20 anos de carreira dos tiozões do grunge.
.
.
.
.
# O disco mais divertido, arejado e facilmente adorável (nessa ordem) do pop em 2008 pertence ao The Ting Tings, mais uma dupla britânica que você, ou conhece bem, ou deveria. Com os vídeo-clipes das incríveis Great DJ, That’s Not My Name e Shut Up and Let Me Go, o TTT chegou ao ouvido do povão (lá, não aqui) e até a Apple soube se aproveitar do talento da loirinha Katie White e do inglesinho de ares latinos Jules De Martino, e botou Shut Up... como tema do comercial do Ipod AD.
.
.
Comparações possíveis colocariam, a grosso modo, o TTT no mesmo “time” de The Gossip, MGMT e até, forçando um pouco a barra, Scissor Sisters. Mas dessa lista é fácil descartar o Gossip, que apesar de Standing in The Way of Control, tem um disco quase tão inofensivo quanto o cinema goiano, e o MGMT – que quase chega lá, mas perto poder de fogo do dance-rock elétrico do Ting Tings, não oferece nenhum perigo. Sobra o Scissor Sisters, mas, como disse, eu não quero forçar a barra.
.
.
Se você ainda não ocupou seus malditos tímpanos com We Started Nothing, Goiânia Rock News te facilita a vida e oferece, gentilmente, um link para o álbum.
.
.
.
.

Vou ali, volto já.

3 comentários:

Alessandra Gomide disse...

Baixando o TVotR. e TTTings é u ó!

jv disse...

entre as bandas latinas, seria bom demais se rolasse El Mato, ou Coiffeur, ou Hacia Dos Veranos... é cruzar os dedos...

Anônimo disse...

queria saber se o Helmet vem mesmo...