Analytics:

sexta-feira, março 20, 2009

Diário de Bordo

Reconhece os três “senhores” na foto aí embaixo? Pois é, Fabrício Nobre (MqN/Monstro Discos/Abrafin) e Sérgio Ugeda (ex-líder dos caóticos e extintos grupos Diagonal e Debate – além de capo da Amplitude Records) se acompanharam de ninguém menos que o lendário J. Mascis (o eterno Dinosaur Jr) para a pose, durante uma pequena pausa na extensa e intensa programação do South By Southwest.




Xiiissss!



Em um curto papo com o Goiânia Rock News, digitado direto do Texas , Nobre teceu algumas breves impressões sobre o que viu no festival até agora (o nick revelador garantia: “top 3 do dia Dirty Projectors, Meat Puppets, These Arms Are Snakes). Dos brasileiros, Fabrício disse que “Holger e River Raid mandaram bem pacas”, além de destacar as apresentações de Deleted Scenes, Daniel Johnston e, é claro, do Dinosaur Jr. O lembrete negativo do dia ficou por conta do Passion Pit que “o pessoal pira, mas eu achei meia bomba”.


À espera do show da lenda underground do garage-rock sessentista The Sonics, Nobre ainda achou um tempo para “reclamar” da correria que não o deixa assistir a tudo o que gostaria.







Quem está de disco novo quase pronto é o Diego de Moraes e O Sindicato . Segundo o dono da carreira mais comentada do rock goiano ultimamente, as 12 faixas de seu debut já estão prontas, aguardando apenas alguns retoques de voz e guitarra, além das perfumarias de estúdio. Depois de uma pausa “por vários motivos”, a bolacha está sendo finalizada no Loop Studio, de propriedade do Rogério Pafa, o baterista do Sindicato, e deve ganhar o mercado (e links na internet) em breve.


O bardo indie se apresenta hoje e amanhã lá no teatro do Centro Cultural Goiânia Ouro, onde também expõe desenhos de sua autoria (foto) nas pareces do banheiro do lugar, dentro do projeto Obrando Arte.






Vou ali, volto já.



(Vou buscar maracujá)


Ok, foi péssima.

2 comentários:

RenatoNP disse...

Acho legal esse tipo de notícia. Ainda mais pelo nome do seu blog. Infelizmente seus links não levam a lugar nenhum. Não sei se é pau do site ou coisa assim.

Fora isso, parabéns. e como tu abusa dos superlativos!!! hahaha

Anônimo disse...

Ah neim, ó o otro